Cursos & Eventos

Operação de Estações de Tratamento de Efluentes, Comissionamento e Microbiologia Aplicada

Datas 23/11/2017 até 25/11/2017
Horários 08:00 às 18:00
Valores

Pagamento até o dia 31.10.17: R$ 1.290,00


Local Abimaq - Av. Jabaquara 2.925 - Ver mapa

Objetivo

Agregar conhecimentos práticos e teóricos que visem facilitar o manejo destes sistemas (públicos e industriais) de uma forma tecnicamente segura e com minimização de custos. Conhecer o controle das ETEs através da microbiologia dos processos (para sistemas de tratamento biológico) e as importantes etapas de testes, comissionamento e start-up de sistemas.

 

Público Alvo

Engenheiros, químicos, biólogos, técnicos, estudantes e todos aqueles que já tenham um conhecimento básico sobre sistemas de tratamento de efluentes e queiram ampliar seus conhecimentos no assunto.

 

Instrutores

 

Ademar César Ferreira

Engenheiro químico com 35 anos de experiência, é diretor da “H2O Engenharia e Consultoria em Meio Ambiente”. Também já ocupou posições relevantes em empresas como : SAAE de Pelotas (RS), ESMIL do Brasil, JARAGUÁ, FILSAN, MININGTECH e DEGRÉMONT.
Linkedin: https://www.linkedin.com/in/ademar-ferreira-7704204/

 

Ana Luiza Fávaro

Bióloga, diretora e responsável técnica da “ACQUA Experts”. Larga experiência com gerenciamento operacional de ETEs de diferentes indústrias, assessorando desde o start up de sistemas de lodos ativados até a operação dos mesmos. Larga experiência em bio-monitoramentos ( ensaios ecotoxicológicos, bio-acumulação, entre outros ) utilizados para avaliar e remediar impactos em corpos d’água que recebem efluentes domésticos e industriais.

 

Rosvaldo Catino

Engenheiro sanitarista e especialista em ciências ambientais e do meio ambiente com mais de 35 anos de experiência no setor. É professor da Faculdade de Tecnologia Ambiental do SENAI e também é sócio-diretor da empresa Poluição Zero Engenharia, atuando em mais de 100 projetos de saneamento, incluindo dimensionamento, projeto, comissionamento e start-up para empresas como : DEGRÉMONT, ANDRADE GUTIERREZ, ODEBRECHT, ISOLUX, ECOTEC, QUEIROZ GALVÃO, FLUID Brasil, PROESA, entre outras.
Linkedin: https://www.linkedin.com/in/rosvaldo-catino-07218b4/

 

Programação

Eng. Ademar Ferreira

1 – Introdução geral;

2 – Introdução à legislação ambiental;

3 – Gerenciamento de operação;

4 – Conceitos sobre os principais parâmetros de ETE´s;

5 – Conceitos básicos dos parâmetros de controle de ETE´s;

6 – Amostragem e métodos analíticos para acompanhamento de ETE´s;

7 – Sistemas primários de tratamento de efluentes:

  • Gradeamento e peneiramento;
  • Remoção e areia;
  • Separação de água e óleo:
  • Equalização;
  • Sistemas físico-químicos:

8 – Sistemas biológicos de tratamento de efluentes:

  • Conceitos
  • Aeração
  • Sistema MBR (Membrane Bio Reactor) – Básico
  • Sistemas com massa aderida

9 – Exercícios sobre sistemas biológicos

10 – Filtração – Básico

11 – Desinfecção – Básico

12 – Controles em sistemas de tratamento biológico

13 – Rotinas diárias na operação de ETE´s

14 – Lodos

15 – Equipamentos mecânicos em ETE´s

16 – Manutenção de equipamentos

17 – Planilhas de controle operacional

18 – Gerenciamento de produtos químicos

19 – Discussão de casos reais trazidos pela classe

 

Eng. Rosvaldo Catino

1 – Objetivo do comissionamento

2 – Preparativos:

  • Equipe
  • Supervisão
  • Certificação
  • Documentação

– Ficha comissionamento

– Lista de pendências

3 – Segurança:

  • Bloqueio
  • Desbloqueio

4 – Comissionamento a frio / Estático:

  • Elétrico

– Limpeza

– Verificação dimensional / projeto

– Nivelamento

– Torque

– Alinhamento

– Continuidade

– Hidromecânico

– Limpeza

– Estanqueidade

– Nivelamento

– Torque

– Alinhamento equipamento

– Alinhamento tubulações

5 – Comissionamento a quente ( energizado ) / Dinâmico:

  • Elétrico :

– Comando / Acionamento

– Sentido de giro

– Corrente partida

– Corrente nominal

– Ajustes de equipamentos

– Inversores

– Relés

– Disjuntores

  • Hidromecânico :

– Hidrostático / Pressostático

– Funcionalidade

  • Instrumentação

– Nivelamento

– Continuidade

– Calibração

– Ajustes

6 – Comissionamento da Automação:

  • Intertravamento
  • Comando ( local – remoto / manual-automático )
  • Ajustes :

– Set-point

– Controle

– PID

 

Bióloga Ana Luiza Fávaro

1 – Entender o que é um floco biológico e como se dá a sua evolução dentro do tanque de aeração até chegar ao decantador secundário;

2 – Aprender a metodologia para caracterizar os flocos biológicos : tamanho, forma, firmeza e compactabilidade;

3 – Identificar as patologias do floco biológico, suas causas e suas remediações: flocos dispersos, flocos com bulking filamentoso e defloculação;

4 – Classificar a densidade de bactérias filamentosas segundo a escala de Jenkins;

5 – Aprender a metodologia para identificar e quantificar os protozoários e metazoários: Amebas, Flagelados, Ciliados livres e pedunculados, Ciliados carnívoros, Suctórios, Rotíferos e vermes;

6 – Conceito da nitrificação;

7 – Identificar zoogléia – indicador da biodegradabilidade do efluente;

8 – Identificar presença de fibras, óleo e sólidos fixos no efluente;

9 – Realizar atividades de estudos de caso com diferentes resultados de análises microbiológicas.


INVESTIMENTO:

Pagamento até o dia 31.10.17: R$ 1.290,00
Após essa data : R$ 1350,00

Apoio:
adi-systems

Realização:

Portal Tratamento de Água e Portal Saneamento Básico

Datas 23/11/2017 até 25/11/2017
Horários 08:00 às 18:00
Valores

Pagamento até o dia 31.10.17: R$ 1.290,00


Local Abimaq - Av. Jabaquara 2.925