Notícias

Expansão e modernização de uma estação de tratamento de esgoto municipal

Publicado em 11/10/2017 às 18:47:20

História de sucesso: Modernização de uma estação de tratamento de esgoto da companhia de saneamento básico do estado de São Paulo, Brasil.

sao-paulo

O desafio: reduzir a manutenção e melhorar o teor de umidade da torta

São Paulo é uma das maiores cidades do mundo, com mais de 20 milhões de habitantes. No entanto, ao longo dos anos, uma de suas maiores estações de tratamento de efluentes passou a ter dificuldades para manter sua eficiência, por razão de filtros prensa obsoletos. A contínua manutenção da bomba de pistões resultava em tempo ocioso significativo. E os filtros prensa não eram capazes de garantir a umidade da torta ou os tempos de ciclo esperados.

Solução adotada pela Andritz Separation: novo sistema de alimentação, lonas filtrantes e sistema de comando

Na ETE de Barueri, o cliente contava com três filtros prensa da R&B, que foram desmontados pois está planejada a instalação de centrífugas decantadoras no local. Os melhores componentes destes três filtros prensa foram utilizados para a reconstrução de um novo filtro prensa, transferido para a ETE do ABC para atender a capacidade complementar exigida. Os filtros prensa originais da ETE do ABC foram modernizados com um sistema de alimentação por bomba de cavidade progressiva, para eliminar os problemas com manutenção antecipada das bombas de pistões.

Novas lonas filtrantes e dispositivos de lavagem das lonas também foram instalados em todos os equipamentos. Para melhorar as operações ainda mais, a ANDRITZ realizou a manutenção da esteira transportadora de tortas, substituiu a tubulação e as válvulas, além de instalar um novo painel elétrico com comando por CLP com todas as funções dos três filtros prensa.

A estrutura e as placasde filtragem de ferro fundido nos filtros prensa da ETE do ABC foram jateadas e pintadas, e a unidade hidráulica foi substituída com um novo e aprimorado design. Todos os serviços, incluindo a instalação no local, montagem, instalação elétrica, colocação em funcionamento e start-up foram realizados pela ANDRITZ SEPARATION, com interferência mínima nas operações em curso.

Resultados: maior volume, menor umidade da torta e manutenção reduzida

Devido ao filtro pensa adicional e o novo sistema de alimentação, a ETE do ABC está pronta para seguramente alcançar sua meta nos níveis de umidade da torta em menos de 70%. O resultado tanto facilita o manuseio quanto reduz os tempos de espera para descarte da torta. Além disso, a capacidade do volume de efluentes é substancialmente maior agora.

As bombas de pistões originais, importadas da Alemanha, traziam dificuldades para a obtenção de peças de reposição. O novo sistema com bomba de cavidade progressiva, no entanto, assegura um desempenho otimizado e a redução dos tempos de ciclo, por razão da necessidade mínima de manutenção. O novo painel elétrico com HMI, totalmente integrado com o sistema SCADA existente na planta, possibilita o controle total, gráficos customizados e a saída de dados, bem como alarmes na ocorrência de falhas potenciais.

andritz

andritz


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *